Vasco Núñez de Balboa encontra o Oceano Pacífico

25 de setembro de 1513

1
compartilhamentos

Em 25 de setembro de 1513, o explorador espanhol Vasco Núñez de Balboa, depois de quase um mês de travessia em meio a florestas, pântanos e lagoas do istmo do Panamá, encontrou o Oceano Pacífico.

Foi o primeiro europeu a avistar o grande oceano a partir de sua costa oriental. Balboa decidiu-se pela aventura diante dos relatos indígenas sobre um rico reino ao sul onde as pessoas usavam utensílios de ouro. Eram as primeiras informações sobre o Império Inca.

Balboa iniciou sua aventura com 190 homens, alguns indígenas servindo como guias e uma matilha de cães. Em sua comitiva estava Francisco Pizarro que, alguns anos depois, partiu em busca do Império Inca.

Ao avistar o mar, Balboa entrou nas águas com armadura completa, espada em uma das mãos e a bandeira de Castela levantada na outra – para tomar posse do oceano em nome do rei da Espanha, Chamou-o de Mar del Sur. Ficou claro então que a Ásia estava muito além daquele horizonte líquido. As esperanças da Espanha de chegar às riquezas do Oriente minguaram até serem de novo insufladas por um aristocrata português, Fernão de Magalhães.

Em sua viagem de circunavegação, Fernão de Magalhães avistou o Mare del Sur de Balboa porém milhares de quilômetros mais ao sul e, em 1520, rebatizou-o de Oceano Pacífico, por suas aparentes águas calmas.

Saiba mais

Abertura

  • Balboa avista o Oceano Pacífico, óleo, Clyde O. De Land, 1911.
  • Rota da viagem de Balboa no istmo do Panamá.

Compartilhe

Navegue pela História

Selecione o mês para conhecer os fatos históricos ocorridos ao longo do tempo.

Outros Artigos

Últimos posts do instagram

Fique por dentro das novidades

Insira seu e-mail abaixo para receber atualizações do blog: