Restauração: Portugal independente da Espanha

01 de dezembro de 1640

0
compartilhamentos

Em 1 de dezembro de 1640, a nobreza de Portugal se levantou contra a Espanha que governava seu país desde 1580 (Domínio Filipino). A Restauração recuperou a independência de Portugal e colocou no trono o duque de Bragança aclamado como rei d. João IV.

A causa imediata da revolta foi o lançamento de novos impostos pela Espanha sem consultar as Cortes portuguesas. Os nobres rebelados acorreram ao palácio real, mataram o representante espanhol e aprisionaram a duquesa de Mântua que governava então Portugal em nome de seu primo, o rei espanhol Filipe III.

A revolta foi apoiada pelo cardeal francês Richelieu interessado em solapar o poder dos Habsburgos que governavam a Espanha. Ele recebeu o apoio dos holandeses e ingleses, que aproveitam a oportunidade para tirar de Portugal o monopólio do lucrativo comércio de especiarias. Portugal recuperou sua independência, mas caiu sob influência da coroa inglesa.

Saiba mais

Abertura

Coroação de D. João IV, óleo sobre tela, de Veloso Salgado, 1908, Museu Militar (Sala Restauração), Lisboa.

 

Compartilhe

Navegue pela História

Selecione o mês para conhecer os fatos históricos ocorridos ao longo do tempo.

Outros Artigos

Últimos posts do instagram

Fique por dentro das novidades

Insira seu e-mail abaixo para receber atualizações do blog: