Fundada a Ordem do Templo ou dos Templários

23 de janeiro de 1120

0
compartilhamentos

Em 23 de janeiro de 1120, em uma reunião em Nablus, na Palestina, cavaleiros europeus que participaram da primeira Cruzada fundaram a Ordem dos Pobres Cavaleiros de Cristo e do Templo de Salomão, ou simplesmente, Templários.

Esta ordem de monges-cavaleiros começou a ser organizada dois anos antes por dois cavaleiros cruzados, Hugues de Payns e Godefroy de Saint-Omer. Eles foram inspirados pela Ordem do Hospital ou Hospitalários, fundada em 1113 para tratar dos peregrinos que vinham orar em Jerusalém no túmulo de Cristo, o Santo Sepulcro.

A missão dos Templários era defender os lugares sagrados, proteger os peregrinos cristãos contra bandidos e turcos e, se necessário, lutar contra os infiéis. Seus membros são monges e cavaleiros. Como todos os monges, eles prometem castidade, obediência e pobreza.

Hugues de Payns foi o primeiro mestre Templário, reconhecido pelo rei de Jerusalém, Balduíno II (1118-1131), que cedeu à ordem uma parte de seu palácio no local onde se supunha ter existido o Templo de Salomão. Daí o nome Templários dado aos monges-cavaleiros.

Em poucos anos, os Templários se tornaram uma das mais importantes ordens monásticas da Europa Medieval, desfrutando de prestígio e enormes riquezas em propriedades e tesouros doados por reis e nobres.

Saiba mais

 

Compartilhe

Navegue pela História

Selecione o mês para conhecer os fatos históricos ocorridos ao longo do tempo.

Outros Artigos

Últimos posts do instagram

Fique por dentro das novidades

Insira seu e-mail abaixo para receber atualizações do blog: